Bem vindo ao Site Islam Brasil - O Islam no Brasil - Últimos Artigos: Capítulo 18 Al-Kahf (A Caverna) (parte 2 de 2) - Capítulo 18, Al-Kahf (A Caverna) (parte 1 de 2) - Capítulo 80, Versículos 33-42: Uma Descrição do Dia do Julgamento - Capítulo 87 Al-A'la (O mais elevado) - Capítulo 89 Al-Fajr (A Alvorada) - Capítulo 88: Al-Ghashiyah (O Evento Assolador) - Capítulo 86 At-Tariq (O Visitante Noturno) - Capítulo 54, Al-Qamar (A lua) - Capítulo 53, An-Najm (A estrela) - Capítulo 71, Nuh (Noé) - Capítulo 21 Os profetas (Al-Anbiya) - Capítulo 73, Al-Muzzamil - Capítulo 31 Lucman - Capítulo 20, Ta-Ha (Ta-Ha) - Capítulo 18, versículos 28-30: A verdade vem de seu Senhor -
Este site tem por objetivo divulgar o Islam, seguindo a Ahlus Sunnah wal Jama'a (Seguidores da Sunnah e a Comunidade), o Islam em sua mais pura forma, o Islam que foi ensinado pelo nosso querido Profeta Muhammad (s.a.w.s) e seguido pelos seus Nobres Companheiros (Sahaba).


Converter-se ao Islam
Se alguem tem o desejo de se tornar um Muculmano, basta pronunciar a “Shahada” saiba mais


Como praticar a Oração
Saiba como praticar a oração, a ablução, recitação do alcorão em árabe e o horário da salat. saiba mais


Profeta Mohammad
...,Não percas as descrições do seu caráter, (Que é) completo em todos os respeitos, saiba mais


Livros Islâmicos
Acesse a nossa biblioteca virtual onde você pode baixar livros islâmicos para leitura. saiba mais


Jesus, Profeta do Islam
Jesus é Muçulmano? Saiba tudo o que o Alcorão fala sobre Jesus, o Filho de Maria. saiba mais


O Islam no Brasil
O Islam esteve presente e
influente no Brasil desde o
início de sua história e
continua hoje... saiba mais


Convertidos ao Islam
Conheça a a história de brasileiros que se converteram ao islam... saiba mais


Perguntas e Respostas
Sinta-se à vontade para tirar todas suas dúvidas referente ao islam, alcorão saiba mais
Capítulo 20, Ta-Ha (Ta-Ha)
  Clique aqui para retornar às Categorias de Artigos

Descrição: Esse capítulo consiste de 135 versículos e discute a história de Moisés e Adão, exorta o profeta Muhammad à paciência e oração e nos lembra das consequências da descrença.

Por Imam Kamil Mufti (© 2018 IslamReligion.com)

 

Versículos 1-8 A missão do Alcorão e os atributos Daquele que o enviou

https://www.newhdwallpapers.in/wp-content/uploads/2016/11/Nature-Mountain-River-Full-HD-Image.jpgDeus informa ao profeta Muhammad, que a misericórdia e bênçãos de Deus estejam sobre ele, que Ele não enviou o Alcorão para causar-lhe angústia, mas como um lembrete para aqueles que têm reverência por Deus, uma revelação Daquele que criou a terra e o céu, o Senhor da Misericórdia que está acima do Trono.  Tudo quanto existe nos céus e na terra pertence a Ele.  Ele sabe o que as pessoas ocultam.

Versículos 9-99 História do profeta Moisés

O que vem em seguida é a história de Moisés descrita de maneira mais vívida.  Ele é o profeta com quem Deus mais conversou no Alcorão e do qual narrou os eventos de sua vida de ângulos diferentes, para que cada vez sua personalidade emergisse em uma perspectiva diferente.  É feita referência à viagem de Moisés e sua família de Madian para o Egito.  Quando vai em direção à luz ouve a voz de Deus chamando por ele.  Moisés conversa com seu Senhor no vale sagrado.  Deus diz a ele para estabelecer oração para Sua recordação e então lhe dá dois milagres.  O primeiro, que seu cajado se transformará em uma serpente quando lançá-lo no chão; e, segundo, que quando pressionar sua mão direita para seu lado esquerdo, ela se tornará branca e brilhante.  Depois disso Deus lhe diz sobre a missão para a qual foi escolhido: chamar o Faraó para o caminho de Deus.  Moisés suplica a Deus por apoio e para que seu irmão o ajude.  Deus aceita suas súplicas e concede a ele seu desejo, lembrando-o das bênçãos que lhe foram concedidas desde seu nascimento, quando o Faraó da época estava matando os filhos de todos os israelitas.  Deus lembra ainda Moisés de como Ele o fez passar por várias mudanças na vida antes de finalmente chegar a esse momento maravilhoso, em que foi escolhido como um profeta.

Quando o Faraó viu os sinais de Deus sentiu-se ameaçado e convocou seus magos para um duelo.  Os magos do Faraó desafiaram Moisés e finalmente reconheceram a verdade de seu Senhor.  Então Deus ordenou a Moisés tirar o povo de "Bani Israel" da escravidão do Faraó.  Mas quando Moisés foi para o Monte Sinai para receber o Torá, seu povo começou a adorar a estátua de um bezerro, sendo desviado por Samiri.  Moisés o baniu e queimou o ídolo.  O propósito de todas essas histórias do passado é que possamos aprender com elas.

Versículos 100-114 A punição daqueles que se afastaram do Alcorão e alguns espetáculos do Dia da Ressurreição

Quem se afastar do Alcorão carregará um fardo pesado e terrível no Dia da Ressurreição.  Quando a trombeta soar e Deus reunir os pecadores, eles murmurarão uns para os outros que ficaram apenas dez dias na terra, mas o mais perceptivo deles dirá que suas estadas na terra foi de apenas um dia.

Naquele Dia Deus transformará as montanhas em pó e as deixará planas e as pessoas seguirão o chamador do qual não há fuga.  Todas as vozes serão abafadas pelo Senhor da Misericórdia.  Só serão ouvidos sussurros.  No Dia do Juízo a intercessão será inútil, exceto a daqueles a quem Deus conceder permissão e cujas palavras Ele aprova.  Todos os rostos serão humilhados perante o Vivente, Onisciente.  Aqueles sobrecarregados com más ações se desesperarão, mas quem tiver feito boas ações e acreditado não precisará temer injustiça ou privação.

Versículos 115-127 A história dos anjos se prostrando perante Adão e alertando-o contra Satanás

Deus ordenou os anjos a se curvarem perante Adão e eles o fizeram, mas Satanás se recusou. Então Deus contou a Adão que Satanás é um inimigo para ele e sua esposa e para que não deixasse que ele os expulsasse do Paraíso.  E desde que permanecesse no Paraíso não sentiria fome, sede, não sofreria o calor do sol e nem teria consciência de sua nudez.

Mas Satanás sussurrou para Adão, tentando levar Adão para "a árvore da imortalidade e do reino eterno." Adão desobedeceu a seu Senhor e ambos, ele e Eva, caíram nos sussurros e comeram da árvore.  Ficaram conscientes de sua nudez e começaram a se cobrir com folhas.

Mais tarde seu Senhor o aproximou, aceitou seu arrependimento e o guiou.  Deus os expulsou do Paraíso.  Deus lhes contou que quem seguir Sua orientação quando ela chegar não se desviará nem cairá em miséria, mas quem se afastar dela terá uma vida de grande dificuldade.  Deus promete ressuscitar quem se afastar como um cego no Dia do Ressurreição.   Ele perguntará a Deus por que foi ressuscitado cego, quando antes tinha visão! A resposta de Deus será que uma vez que ignorou as revelações de Deus quando elas chegaram, é adequado que seja ignorado nesse Dia.  É assim que Deus recompensa aqueles que se afastam muito e não acreditam em Suas revelações.  Deus diz que a punição maior e mais duradoura é na Outra Vida.

Versículos 128 - 129 Tirar lições das nações anteriores

Não tiram uma lição das muitas gerações que Deus destruiu antes deles, por cujos locais de morada caminham hoje? Verdadeiramente existem sinais nisso para qualquer um com entendimento! Se não fosse por uma Palavra pré-ordenada do Senhor, já teriam sido destruídos.  O tempo deles já foi estabelecido.

Versículos 130-132 Diretrizes para o profeta

É dito ao profeta Muhammad para ser paciente com o que dizem e celebrar os louvores de seu Senhor antes do nascer e do pôr do sol, durante a noite e no início e final do dia, para que possam ter contentamento.  Foi instruído por Deus a não ansiar pelo que Deus concedeu a alguns deles para desfrute nessa vida presente.  Deus testa a alguns dessa forma, mas a provisão do Senhor na vida que está por vir é melhor e mais duradoura.

Deus diz ao profeta Muhammad para ordenar as pessoas a orarem e para que ele mesmo seja perseverante nas orações.  Deus não pede a ninguém que Lhe dê provisão. Ele é quem prove a todos e as recompensas da Outra Vida pertencem aos devotos.

Versículos 133-135 A teimosia dos politeístas e suas consequências

Os descrentes perguntam por que o profeta não traz um sinal de seu Senhor. Deus lhes diz que eles receberam prova clara nas escrituras anteriores da vinda do profeta Muhammad.  Se Deus os tivesse destruído por meio de punição antes da vinda do mensageiro, teriam reclamado e dito que se ao menos Deus lhes tivesse enviado um mensageiro, teriam seguido Suas revelações antes de sofrerem humilhação e desgraça! É dito ao profeta Muhammad para dizer que todos estamos esperando. Então, continue com sua espera. No final virá a aprender quem seguiu o caminho reto e foi corretamente guiado.

 

https://www.islamreligion.com/pt/articles/11056/capitulo-20-ta-ha-ta-ha/

bullet.gif Enviado por admin em 18/04/2018 ·55 Leituras · Imprimir · ·

Hierarquia do Artigo:
Artigos O Alcorão Sagrado Capítulo 20, Ta-Ha (Ta-Ha)


Navegação de Artigos:

<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>
Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML


Ouça o Alcorão
Agora você já pode escutar em nosso site "O Nobre Alcorão e seus Significados em Português"saiba mais


Leia o Alcorão
Agora além de poder ouvir a
bela recitação do Alcorão,
você também pode ler o Alcorão Sagrado. saiba mais


Du'as - Súplicas
Aprenda como recitar de maneira correta os du'as (suplicas) em arabe, saiba mais


Riadhus-Salihin
Já está disponível gratuitamente para baixar em nosso site o Livro Riadhus-Salihin. saiba mais


Civilização Islâmica
Dentro de poucos anos do crescimento do Islam no mundo, grandes civilizações floresceram saiba mais


A Mulher no Islam
Na época em que o Mundo estava envolvido em trevas, e entregue a ignorância, a revelação... saiba mais


As Relações Íntimas
Conheça a Visão Islâmica sobre as Relações Íntimas e a Sexualidade em geral. saiba mais


Divulga Islam
Somos um grupo de muçulmanos brasileiros que trabalha com a divulgação do islam saiba mais
     
 

É necessário utilizar o Firefox para este site

Site Islam Brasil - O Islam no Brasil © 2009-2018

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2018 by Nick Jones.
Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3

Os materiais postados neste site não refletem necessariamente as visões do Grupo Divulga Islam, o qual não reivindica responsabilidade sobre os artigos contidos neste site, sendo os mesmos de responsabilidade dos seus escritores.

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

 
voltar ao topo